Erro
  • [OSYouTube] Alledia framework not found
Aviso
  • JFile: :read: Incapaz de abrir arquivo: /home/clubedoh/public_html/components/com_k2/js/k2.js?v2.6.8&sitepath=/
Adonel  Bezerra

Adonel Bezerra

Pós-graduado em Teoria em Educação a Distância e Docência do Ensino Superior;

MBA Executivo em Coaching;

Coordenador de cursos de pós-graduação.

Experiência em Gestão de Negócios, envolvendo-se com as áreas administrativa, financeira, comercial, produção e logística;

Experiência de mais de 20 anos como professor conferencista na área de segurança da informação;

Sólida experiência na gestão de negócios e tecnologia da informação;

Sólida experiência no meio acadêmico; 

Consultor de Segurança da informação com mais de vinte anos de experiência;

Treinamentos e palestras ministrados para milhares de profissionais em todo o Brasil;

Livro publicado pela Editora Ciência Moderna e diversos artigos publicados.

 

ALGUMAS PARTICIPAÇÕES COMO CONFERENCISTA OU PALESTRANTE

Centro Universitário do Maranhão – UniCeuma/2009 – Apresentação “O MERCADO DE CONSULTORIA EM SEGURANÇA DE INFORMAÇÃO. 

Universidade de Fortaleza|UNIFOR – Apresentação “TÉCNICAS HACKERS PARA TESTES DE INVASÃO”.

Faculdades Integradas do Ceará – FIC/2010 – Apresentação “ SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO”.

Escola de Gestão Pública do Estado do Ceará – /2012 – Apresentação “ SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO COM SOFTWARE LIVRE”.

Faculdade La Salle – 2013 – Apresentação “ESPIONAGEM INTERNACIONAL”.

Estácio|FIC/2013 – Apresentação “ ANÁLISE DE VULNERABILIDADES COMO FATOR PRIMORDIAL NAS ORGANIZAÇÕES”.

Estácio|FIC/2015 – Apresentação “PROVA DE CONCEITO”.

Devry Brasil|FANOR Salvador/BA, Fortaleza/CE, Belém/PA, Caruaru/PE, Recife/PE, Teresina/PI    - Apresentação “ VULNERABILIDADES DE SISTEMAS COMPUTACIONAIS”.

 

PROJETO PESSOAL – 1998 – Até o momento

- Fundador e Mantenedor de um dos maiores portais de Segurança de sistema do Brasil, o portal Clube do Hacker; www.clubedohacker.com.br

Fundador e mantenedor da Academia Linux www.academialinux.com.br

Fundador da BUCOIN – www.bucoin.com.br

URL do site:

A ESTRUTURA DO SISTEMA

A vantagem de um sistema de código aberto é que ele se torna flexível às necessidades do usuário, tornando assim suas adaptações e "correções" muito mais rápidas.

 Ao nosso favor, existem milhares de programadores espalhados por todo o mundo pensando apenas em fazer do Linux um sistema cada vez melhor.

O código fonte aberto permite que qualquer pessoa veja como o sistema funciona, corrija algum problema ou faça alguma sugestão sobre sua melhoria, esse é um dos motivos de seu rápido crescimento, assim como da compatibilidade com novos hardwares, sem falar de sua alta performance e de sua estabilidade.

O Linux segue o padrão POSIX que é o mesmo usado por sistemas UNIX e suas variantes. Desta forma, você que está começando a aprender o Linux não encontrará muita dificuldade em operar sistemas como: UNIX, FreeBSD, HPUX, SunOS, necessitando aprender apenas algumas particularidades dos mesmos.

As grandes vantagens:

• O Linux convive tranquilamente com outros SO's instalados no mesmo HD (disco rígido);

• Lhe permite fazer conectividade com outras plataformas;

• Pode ser executado em diversas arquiteturas diferentes (Intel, Macintosh, Alpha, Arm e etc);

• O sistema de arquivos utilizado pelo Linux é inteligente evitando assim a fragmentação dos mesmos;

• Utiliza permissões de acesso a arquivos, diretórios e programas, o que faz o sistema ser considerado muito seguro, sendo um dos motivos que faz com que em mais de duas décadas de existência existirem pouquissas ameaças de vírus registradas.

 

O QUE É LINUX

Linux é um sistema operacional Unix-like, isso quer dizer que o Linux foi de-senvolvido de acordo com a filosofia Unix. Esse trabalho de desenvolvimento foi feito por Linus Torvalds, do Departamento de Ciência da Computação da Universidade de Helsinki, Finlândia, junto com um grupo de hackers pela Internet. O Linux segue o pa-drão POSIX, que é usado em estações UNIX.

Linus Torvalds iniciou cortando (hacking) o kernel como um projeto particular, inspirado em seu interesse no Minix, um pequeno sistema UNIX desenvolvido por An-drew Tannenbaum. Ele se limitou a criar, em suas próprias palavras, "um Minix melhor que o Minix". E depois de algum tempo de trabalho em seu projeto, sozinho, ele enviou a seguinte mensagem para comp.os.minix:

Você suspira por melhores dias do Minix-1.1, quando homens serão homens e escreverão seus próprios "device drivers" ? Você está sem um bom projeto e esta morrendo por colo-car as mãos em um S.O. no qual você possa modificar de acordo com suas necessidades ? Você está achando frustrante quando tudo trabalha em Minix ? Chega de atravessar noi-tes para obter programas que trabalhem correto ? Então esta mensagem pode ser exata-mente para você.

Como eu mencionei a um mês atrás, estou trabalhando em uma versão independente de um S.O. similar ao Minix para computadores AT-386. Ele está, finalmente, próximo do estágio em que poderá ser utilizado (embora possa não ser o que você esteja esperando), e eu estou disposto a colocar os fontes para ampla distribuição. Ele está na versão 0.02... contudo eu tive sucesso rodando bash, gcc, gnu-make, gnu-sed, compressão, etc. nele.

Linus Benedictus Torvalds
No dia 5 de outubro de 1991 Linus Torvalds anunciou a primeira versão "ofici-al" do Linux, versão 0.02. Desde então muitos programadores têm respondido ao seu chamado, e têm ajudado a fazer do Linux o Sistema Operacional que é hoje, uma grande maravilha.

Ele inclui proteção entre processos, carregamento por demanda, redes TCP/IP, alem de nomes de arquivos com até 255 caracteres, multitarefa real, suporte a UNICO-DE, bibliotecas compartilhadas, memória virtual, etc.

DISTRIBUIÇÕES LINUX

Uma distribuição de Linux é um sistema operacional Unix-like incluindo o kernel Linux e outros softwares de aplicação, formando um conjunto. Distribuições mantidas por organizações comerciais, como a Red Hat, Ubuntu, SUSE e Mandriva, bem como projetos comunitários, como: Debian e Gentoo, montam e testam seus conjuntos de software antes de disponibilizá-los ao público.

Como o Linux e a maior parte dos softwares incluídos em distribuições são livres, qualquer organização ou indivíduo suficientemente motivado podem criar e disponibilizar (comercialmente ou não) a sua própria distribuição. Isso faz com que hoje haja registro de mais de 300 distribuições ativamente mantidas, embora menos de 20 delas sejam largamente conhecidas.

Algumas distribuições populares oferecem (como opção ou como seu único modo de operação) a possibilidade de execução no modo Live CD, que permite o uso integral do Linux sem instalação ou alteração dos dados armazenados no disco rígido do computador: o sistema roda integralmente a partir de um CD-ROM desde o momento em que o computador é ligado.

Exemplos de Live CDs bastante conhecidos são o Backtrack, Kali Linux, Caine e o Ubuntu.

Algumas distribuições mais conhecidas e que servem de base para outras:
• Debian
• Madriva
• RedHat
• Mandrake
• Slackware
• Suse
• Ubuntu ( mais popular no Brasil para usuários)

Uma frase especial colhida do site do ubuntu: (Humanidade para os outros ou, sou o que sou pelo que nós somos).

 
Assinar este feed RSS